Vídeos: Divulgados primeiros resultados de crash tests em veículos nacionais

18 10 2010

O mercado latino-americano deu um grande avaço nesta segunda-feira (18) quando foram divulgados os primeiros resultados dos testes de colisão realizados pela Latin NCAP, instituição que possui representantes em diversas regiões do mundo e é especializada em avaliar a segurança de veículos. Passaram pelos testes seis veículos:  Chevrolet Meriva, Fiat Palio, Peugeot 207, Volkswagen Gol, Toyota Corolla e Geely CK1, sendo que os modelos da Fiat, Peugeot e VW foram testados em unidades com e sem airbags. E o resultado? Um tanto decepcionante.

Leia o resto deste post »





Vídeo: Último lançamento da Saab, 9-5 conquista 5 estrelas no EuroNCAP

21 12 2009

Depois do anuncio de sua desativação, a Saab passou por um último momento de reconhecimento de grande montadora que foi. Último modelo desenvolvido pela marca, a nova geração do 9-5 conquistou 5 estrelas nos testes de colisão do Euro NCAP, a maior pontuação possível num dos mais rígidos controles de segurança do mundo. Desenvolvido a partir da plataforma do Opel Insignia, o Saab ganhou destaque na proteção para os condutores (índice de 94%) e para crianças (80%).  Foi considerado mais seguro inclusive do que o Opel. O novo 9-5 foi apresentado mas não chegou a ser comercializado, apesar de existirem unidades já produzidas. Não se sabe o que a GM pretende fazer.





Euro NCAP divulga últimos resultados de crash-tests

26 11 2009

Entidade máxima de segurança viária na Europa, a Euro NCAP divulgou nesta quarta-feira (25) os resultados de crash-test de 12 lançamentos recentes. Entre modelos da Mercedes-Benz e da BMW, o maior destaque do ranking foi o Chevrolet Cruze. O três volumes recebeu pontuação máxima da entidade, surpreendendo os críticos da Chevrolet. Outro destaque, desta vez negativo, foi o Toyota Urban Cruiser, que conseguiu apenas 3 estrelas – de 5 – no teste.

Leia o resto deste post »





Vídeo: crash-test do SLS AMG

2 11 2009

O que os engenheiros não fazem pela nossa segurança, hein!? Sem mais comentários.

Por Fillipe Vivas





Tata Nano recebe boa pontuação em teste de segurança europeu

14 07 2009

Subestimado por muitos antes mesmo de ser lançado, o ultracompacto Tata Nano provou que não está de brincadeira. Em um teste de segurança realizado pelo MIRA (entidade que cuida da segurança veicular no Reino Unido) o pequeno se saiu muito bem nas provas de impacto frontal e lateral, alcançando a excelente pontuação de quatro estrelas e enchendo de orgulho o seu ‘criador’ Ratan Tata.

Tata Nano - Teste

Os testes de colisão frontal foram realizados a uma velocidade de 56 km/h enquanto os de colisão lateral foram feitos a 48 km/h. Para conseguir tal feito o modelo recebeu modificações como adoção de airbag para motorista e reforços estruturais na carroceria que lhe renderam um acréscimo de 18 kg em seu peso. Mas vale ressaltar que, ao contrário do que se possa imaginar, o testes não foram feitos com o modelo europeu e sim com a robusta versão indiana.

Por Dyogo Fagundes





IHS realiza teste de capotagem em utilitários vendidos nos EUA

24 03 2009

O IHS (Institute for Highway Safety), autoridade máxima norte-americana de segurança automotiva no trânsito, publicou nesta terça-feira (24) um inusitado estudo realizado com os utilitários esportivos mais vendidos naquele país. Tal estudo, apesar de curioso, se consiste num tabelamento dos veículos desta categoria menos perigosos e mais seguros aos passageiros em caso de capotagem. Todos foram submetidos a testes, mas poucos se deram bem.

ihsteste2

Dentre os participantes, se destacam a presença dos primos sul-coreanos Hyundai Tucson e Kia Sportage. Se destacam por que, além de serem vendidos no Brasil em configurações semelhantes, não se deram muito bem na avaliação do órgão. Então vamos direto ao ponto. A pesquisa, realizada com 12 jipes de pequeno e médio porte de diversas marcas, analisa a dinâmica dos modelos em casos de capotamento. Para isso, são realizados testes de capotagem (óbvio) e de pesos sobre o teto.

ihsteste6 ihsteste4

Para ser classificado como “bom”, é necessário que o modelo suporte até quatro vezes seu peso sobre o teto e que a carroceria não deforme mais do que 5 polegadas, ou cerca de 12,5 centímetors. Para ser considerado como “aceitável, o veículo tem que ser capaz de receber 3,25 vezes o peso do carro, ante as 2,5 vezes obrigatórias para receber a avaliação de “no limite” e menos que 2,5 vezes para “fracos”.

ihsteste3

O resultado você pode observar pelas imagens. Começando pelos “fracos”; os inaceitáveis, estão, surpreendentemente, os irmãos Hyundai Tucson e Kia Sportage. Pouco à frente se encontram Ford Escape e Honda CR-V, considerados “no limite”. Os modelos aceitáveis são, em grande maioria, japoneses: Mitsubishi Outlander, Toyota Rav4, Nissan Rouge, Suzuki Vitara e Chevrolet Equinox. Por fim, os únicos considerados “bons” (em ordem de maior pontuação): VW Tiguan, Subaru Forester, Jeep Patriot e Honda Element.

ihsteste5

Segundo diretores do órgão, o próximo passo agora é avaliar os utilitários de maior porte, considerados “médios” nos Estados Unidos – o resultado da pesquisa deve sair até o fim deste ano. A exigência está sendo feita por que, segundo informações do instituto e do governo daquele país, cerca de 2,5% dos acidentes com automóveis em solo americano envolvem capotamentos e resultam em cerca de 10.000 mortes por ano.

ihsteste

Ranking

Bom – VW Tiguan
Bom – Subaru Forester
Bom – Honda Element
Bom – Jeep Patriot
Aceitável – Chevrolet Equinox
Aceitável – Mitsubishi Outlander
Aceitável – Nissan Rouge
Aceitável – Suzuki Vitara
Aceitável – Toyota Rav4
No limite – Ford Escape
No limite – Honda CRV
Fraco – Hyundai Tucson/Kia Sportage

Por Fillipe Vivas





12 de 28 veículos alcançam nota máxima em teste de segurança chinês

28 12 2008

A CATARC (China Automotive Technology and Reserch Center), espécie de órgão fiscalizador da segurança automotiva no país asiático, testou 28 veículos neste ano e divulgou os resultados finais na última semana. Deste total, 12 modelos obtiveram a nota máxima nos testes de colisão, ou seja, cinco estrelas – o método de pontuação é semelhante ao do EuropNCAP.

Entre eles, estão os renovados VW New Bora, Rowe 550 e Chery A3. Todos os modelos testados são produzidos naquele país e o índice de aprovação foi grande. Na Europa, os veículos chineses são conhecidos – além da simplicidade – pela falta de segurança: muitos deles foram reprovados nos testes da EuroNCAP, o que nos leva a “desconfiar” dos critérios utilizados pelo CATARC. De qualquer maneira, os resultados mostram o esforço dos fabricantes chineses em evoluir.

Por Fillipe Vivas